Toscana, terra de Leonardo da Vinci, Dante, Petrarca, Boccaccio, ..... terra do Brunello de Montalcino e dos Chianti, terra onde estão Florença, Siena, San Gimignano e Lucca, a terra dos lendários charutos Toscano

O clima mediterrâneo que alterna verões quentes de alta luminosidade com invernos rigorosos combinado com a topografia de múltiplas colinas, proporciona as condições ideais para o cultivo do tabaco. No mesmo solo em que são cultivadas as uvas Sangiovesi é cultivado o tabaco Kentucky com que são produzidos os charutos Toscano.

Hoje os charutos Toscano são manufaturados na fábricas de LUCCA e CAVA DE´ TIRRENI que produzem e vendem, anualmente, mais de 210 milhões de unidades, em 65 países de todos os continentes

Numa tarde de verão de 1815, o tabaco deixado para secar no sol quente de Florença foi encharcado por uma chuva inesperada. Para minimizar o prejuízo, o fazendeiro torceu charutos com aquelas folhas e vendeu por preço mais baixo. Ele foi surpreendido com o sucesso imediato e percebeu que tinha produzido um charuto de sabor totalmente novo e muito agradável. Desde 1818 o charuto recebeu a marca TOSCANO e segue sendo produzido da mesma maneira, tendo incorporado significativa melhora de qualidade com o uso do tabaco Kentucky cultivado na Toscana desde 1930.